Semana Despertar Feminino nas Alagoas – Março/2017

É com muito Amor que estamos trazendo Tamaris Fontanella ao Polo Despertar Feminino de Maceió!

ANCORADO pela IRMANDADE DE THEA do DESPERTAR FEMININO, sob a coordenação de Lívia Correia:

EVOCAMOS todas as MULHERES a se unirem em atividades de CONVÍVIO, PARTILHA e CURA do feminino, na entrega de cada CORAÇÃO para se reconectar com seus ciclos naturais e promoverem o poder da troca e do EMPODERAMENTO no fortalecimento e cura da TEIA do feminino.

Que nossas Teias de Luz, repletas de gratidão, possam nos colocar em comunhão com a Grande Mãe nesse momento MÁGICO do REDESPERTAR DA ENERGIA SAGRADA FEMININA nas Alagoas.

________________________________________________

PROGRAMAÇÃO COMPLETA

– 22/03 – 4a. feira – Roda de Medicinas: com Chanupa*, Rapé** e Mana Hêins***
(aberto a homens e mulheres)

das 19 as 21hs.
Levar canga e almofada para se sentir mais confortável e seus instrumentos xamânicos. Levar garrafinha de água e um rolo de papel higiênico.
Inscrições e Informações: Lívia Correia: (82) 99644-8123
Valor de Contribuição: R$ 53,00 (Irmandade de Thea, Tecelãs Divinas e alunas matriculadas no curso de Formação de
Focalizadoras R$ 40,00)

– 23/03 – 5a. feira – Vivência: O Renascimento da Menina Mágicka (somente para mulheres)

das 19 as 21hs
levar canga e almofada para se sentir mais confortável, lápis de cor. Ir preferencialmente de saia e levar flores para para representar a sua energia em nosso altar.
Inscrições e Informações: Lívia Correia: (82) 99644-8123
Valor de contribuição: R$ 53,00 (Irmandade de Thea e Tecelãs Divinas R$ 40,00 – gratuito para alunas matriculadas no curso de
Formação de Focalizadoras)
– 24/03 – 6a. feira – Atendimentos em Theaterapia
(somente para mulheres)
Em seu atendimento você entrará em contato com As Deusas que ancoram as suas quatro Faces do Feminino Sagrado: Donzela, Mãe,
Anciã e Guerreira e faremos a Montagem da Mandala Pessoal das Deusas 2017 para indicar as energias propícias para cada
momento do ano.
Informações e agendamento: Lívia Correia: (82) 99644-8123

– 24/03 a 26/03 – Módulos 1 e 2 do Curso de Formação para Focalizadoras – Theaterapia (fechado somente para alunas do curso)

– 26/03 – Domingo – Danças Circulares: Dançando a Deusa Viva (somente para mulheres)

Ir preferencialmente de saia, lenço ou véu.
Inscrições e Informações: Lívia Correia: (82) 99644-8123
Valor de contribuição: R$ 53,00 (Irmandade de Thea e Tecelãs Divinas R$ 40,00 – gratuito para alunas matriculadas no curso de
Formação de Focalizadoras)
– 27/03 – Segunda – Moon Blessing: Bênção da Lua Nova (somente para mulheres)

Honraremos a face da Anciã que abre o caminho para o período escuro de introspeção da Roda do Ano pedindo sabedoria para desvelar os véus da escuridão.
Levar: um pote para água, um pote para vela, duas velas rechaud (escolha sua cor de contato com a deusa anciã), um objeto que te represente para colocar no altar. Ir preferencialmente de saia.
Inscrições e Informações: Lívia Correia: (82) 99644-8123
Contribuição: R$ 53,00 (Irmandade de Thea, Tecelãs Divinas e alunas matriculadas no curso de Formação de Focalizadoras R$ 40,00)

_______________________________________________________

* Chanupa
O Cachimbo Sagrado é uma ferramenta utilizada sobretudo para processos de reestabelecimentos de ordem física, emocional e
espiritual. O Cachimbo se faz presente na história de diversos povos nativos, partilhado entre os irmãos em gesto de paz no
contexto ritualístico de várias culturas. Iremos honras a ancestralidade, as quatro direções sagradas e nos concetar a
energia do espírito do Kumbaya (preparado) com as bençãos das Matriarcas.

** Rapé
O Rapé é um pó feito geralmente de tabaco e outras ervas e cinzas de árvores que são moídos e transformados em um pó fino e
aromático. Seu uso é ancestral utilizado, pelas tribos indígenas e pelos caboclos da floresta, como consagração e
reestabelecimento energético físico, mental e espiritual, assim o rapé é o rapé é uma medicina que contém um espírito com
grande poder, trazendo curas, proteção e afastando todo tipo de males. Trata principalmente dos medos, expande muito a
consciência e a mediunidade.

*** Mana Hêins – Sananga
Sananga é um arbusto das regiões amazônicas conhecido pelos índios Kaxinawás do estado do Acre como “Mana Heîns”, nome
oriundo do dialeto Huni Kuin e pelos Yawanawas como “Kanapã Vetxe Shuti”.
É extraído do interior de sua raiz um sumo em decocção, utilizado no preparo de um colírio natural que opera em duas
vertentes energéticas de cura: a física e a espiritual.

A Sananga é um colírio indígena para os olhos. Antes de irem para a caça, os índios administram uma gota em cada olho,
fazendo com que sua percepção fique aguçada e perceba com maior facilidade movimentos sutis na floresta densa, seu efeito
aumenta a profundidade e a texturas do ambiente, tornando mais fácil a detecção de animais durante a caça.

Dilui as formas pensamento e energias negativas e desarmônicas, abre os canais energéticos do ser humano para a Visão
Interior, Exterior e Superior. Da região da cabeça desce uma energia sutil e favorável para manter os chakras abertos,
expande a aura e mantêm a pessoa centrada e equilibrada emocionalmente, mentalmente e espiritualmente. facilita a
introspecção e a meditação, É um forte estimulante e afrodisíaco.
No contexto urbano o Sananga aumenta nossa capacidade de perceber as intenções das pessoas e faz com que aproveitemos melhor
as oportunidades oferecidas pelo destino.

O resultado após a aplicação é um estado de equilíbrio que entra em sintonia com as forças da natureza, expansão visual
espiritual ou terceira visão e também uma significativa melhora na fisiologia ocular.

 

Semana Despertar Feminino nas Alagoas – Março/2017

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *