Ao final do ano passado abordei um pouco sobre os diversos fins que um círculo harmonioso pode vir atingir, ciclos que se iniciam e se encerram constantemente.

Agora neste inicio de 2017 podemos refletir um pouco sobre o momento que um círculo de mulheres nasce!

O que nos motiva a iniciar um novo pulsar?

Cada mulher carrega em si seus desejos íntimos que as motivem de iniciar um novo círculo, mas embora meu recente caminhar nesse novo mundo percebo que sem sombras de duvida o desejo de crescer e desenvolver suas melhores potências junto com outras mulheres estão claramente presentes.

Qualquer mulher pode tomar  iniciativa de criar um círculo de mulheres, se o desejo é presente, faça!

Mas a empatia em poder sentir a dor ou a felicidade da outra como se fosse um pouco sua, coloque-se no lugar da outra, respeito no espaço e tempo de cada uma (por vezes cobramos a presença constante da outra sem prestar atenção se no momento ela não precise de um tempo pra si, estar em um círculo de mulheres as vezes nos trazem questões que só nós poderemos resolver e um breve afastamento se faz necessário) e por fim privacidade, não ficar falando do que as outras disseram no círculo fora dele é algo que o respeito do espaço da outra novamente nos traz, são palavras que devem ser mantidas e praticadas a todo tempo para que um círculo seja saudável e harmonioso.

Andressa Ferreira Thome

www.pdf24.org    Send article as PDF